Guia do Blog

> Recepção (Mapa)
> Histórico (Sobre Nós)
> Fragmentos
> Sinopse do Conto
> Temas (em Versos)
> OFICINA MENTAL
> Variedades
> Da Redação
> VITRINA (Janela do Leitor)

"Sabe o Blog que corpos humanos, templos do Espírito!"
comum. Calcular PageRank com.br
Leitores Qualificados:
Ano 18 - MdM: 3.75







Intensas lidas. /
Letras recendem, /
Luzes acendem, /
Eis que desprendem /
Sombras temidas!



Doar Sangue, Um Gesto Simples e Gesto Nobre
Gotas de Vida!

Voto Distrital
Voto Distrital

"Como honrar à altura
o Corpo Humano:
associando-o a Deus
e à Natureza!"

(Jhosa)

[Contra-Capa]

VERDE-AMARELO

Cores vermelhas, comigo não, somente de raiva ou vergonha!
(Por: Joseh Pereira – 04/07/2014)

Não, o rubro militante não cabe, aqui! Cores vermelhas nesta Terra de Santa Cruz (lembram como éramos chamados), honestamente falando, só se forem de raiva ou de vergonha das ações de malvados destruidores do Brasil, por acaso, galgados a postos de poder ou auto-proclamados líderes sociais, os ditadores de minorias! Ainda vemos na TV a over-dose de esporte (muito circo e pouco pão), na Copa Mundial de Futebol aqui sediada, de certo modo, concomitante a outra campanha, esta sim de suma importância a todos os brasileiros, pela “eleição de uma descente chefia desta pujante Nação”, cheia de enorme potencial e maravilhosa, sob tantos pontos de vista. Vermelho, associado ou não à Foice e Martelo, historicamente, representa o comunismo nem sempre explícito, que é uma deslavada mentira da prática do bem comum, mas aplicado a seus súditos, em tudo uniformes, que apenas obedecem, é o nítido oposto ou o avesso de um autêntico “estado democrático de direito, com uma sociedade livre e plena economia de mercado”, onde não se busca a distribuição de renda (finita, esgotável) e sim a distribuição de oportunidades para que todos possam produzir e viver, dinamicamente, ajudando individualmente ou em parcerias a criar reservas e a repor estoques e, desta forma, contribuindo pela vida digna da sociedade e do estado. Nos demais parágrafos deste Post, vamos pinçar algumas das grandes raivas e vergonhas que nos abatem! Muita coisa ruim! E a ruindade ainda pode aumentar, absurdo é permitirmos que ela avance, não vamos permitir, se chegarmos juntos nas eleições e fora delas, tendo sempre em mente a “Ordem e Progresso”, valores básicos de um Brasil, genuinamente, brasileiro!
Espírito forte para absorver ojerizas, ao final de 2002, Lula, que não esperava tornar-se Presidente do Brasil, mal confirmada sua eleição, muito tenso, suava tanto diante dos microfones e câmaras de TV que precisava trocar até as camisas ou o terno todo, molhado de suor. Acostumado desde muito jovem a palanques sindicais como metalúrgico, ele falava como o homem da cobra, tendo trocado o “menas” por “menos” já como morador do Palácio. Treinado na técnica comunista da publicidade vazia, sem pudor de mentir e enganar, lançou no papel (de onde nunca saiu) o seu “Fome Zero”, rótulo logo morto por inanição ou falta de conteúdo. Lula, depois de xingar as bolsas de FHC, dizendo que faziam o cabra preguiçoso, não cultivando sua macaxeira, juntou-as todas por decreto e as chamou de Bolsa Família, tratando-a como coisa sua e sem a porta de saída, que a Bolsa Escola de FHC, esta sim virtuosa, possuía. Criou a farmácia popular onde nunca entrei (porque não tinha portas), integrada a farmácias já existentes; um tal “Brasil Sorridente”, que haveria de acabar com os desdentados no Brasil e já sumiu de todas as pautas; juntam um monte de projetos ou obras em andamento no propalado PAC (vendido como novo plano de acelerar crescimento), metade ou nem isso da meta cumprida, lançam o PAC2 para encobrir o fracasso do PAC1 e assim vão, fazendo-nos de tontos. Ainda na gestão Lula, tentam de uma ou outra forma implantar o controle ideológico da imprensa, fundam uma TV Oficial chapa-branca como nunca, a inútil TV Brasil, gastando um rio de dinheiro público para uma audiência que não sai do traço. Como não bastasse, passaram a “comprar” as consciências com verbas publicitárias de estatais, desde as menores empresas jornalísticas do interior do país, às médias e às maiores, do tipo Record, Globo, Band e SBT, onde se notam no ar em horário nobre cansativas peças teatrais-publicitárias da Caixa, BB, Petrobras etc., inibindo a livre fluidez das linhas editoriais das emissoras frente aos fatos políticos e governamentais, além de “pagarem” abertamente blogs e revistas acostumados a meter a mão em nossa cesta (de remédios, alimentos, necessidades básicas), porque financiada toda a corja pelos cofres públicos! Inquilinos precários que são, prestes a deixar Brasília, enfiaram, sim (não preciso dizer onde), a Petrobras, o Mercosul, o Brasil em sua maior parte e o Continente indo junto para o buraco, em nome da ideologia comunista! É preciso, dizem eles obliquamente, salvar ditadores e construir logo, aqui, uma ditadura, enganando-nos a todos enquanto puderem, que lutam por mais democracia! Estão, sim, seguindo à risca a proposta do Foro de São Paulo, fundado aqui em 1990 por ninguém menos que Lula e Fidel Castro, tão logo a União Soviética do leste europeu se esfacelou, Muro de Berlim caiu e Cuba deixou de receber a fundo perdido os milhões de dólares de Moscou, cujo objetivo, cristalino como água colhida na fonte, é a lenta e gradual instalação da nova URSS em território Latino-Americano, plano já acima da metade realizado, estando bem perto de se tornar irreversível!
Desculpem, mas eu ainda preciso destilar um pouco mais da minha ira positiva, sobre coisas que este Post pode comportar. Uma é a “ideologia de gênero” em discussão no Congresso que, incorporada ao Plano Nacional de Educação, tornar-se-ia lei, uma obrigação, pais com filhos nas escolas concordassem ou não com o disparate da lei, que consiste na proibição da discriminação das pessoas pelo seu sexo genético e biológico (ninguém nasceria homem ou mulher, mas conforme desejar, ao crescer), teriam estes pais de engolir a intromissão totalitária do governo federal. Na prática, já vimos isto no último Dia das Mães numa escola municipal paulistana, gestão petista de Haddad, pais reclamando da falta da habitual comemoração às mães, a quem a direção respondeu que, doravante, ali, comemorar-se-ia a Data da Cuidadora, coletivizando a efeméride. Quer dizer, já começam a retirar do nosso vocabulário cotidiano os tradicionais nomes de Mãe e de Pai, com claro objetivo de abalar progressivamente a Família, célula-base da sociedade. Em segundo lugar, vem o Decreto 8243 de 23/05/2014 assinado por Dilma, dando seu “golpe branco” ao conceder aos chamados “movimentos sociais” (MST, MTST e que tais) poder superior ao conferido por lei a instâncias legislativa e judiciária da União, Estados e Municípios. Bem à forma de um “governo paralelo”, ligado à Secretaria Geral da Presidência do notório “gravatinha vermelha” Gilberto Carvalho, o grupo popular não precisa nem formalizar-se para poder formular suas demandas, por força dessa geringonça da ditadora de plantão. Tomara que parlamentares contrários no Congresso tenham sucesso e derrubem esse lixo, já publicado no Diário Oficial! Também, inventaram um troço, o “Mais Médicos” para poderem importar milhares de escravos cubanos de lá (para escravizarem no Brasil) como pura mercadoria cubana, que não remunera exatamente o profissional, mas abastece com nosso suado dinheiro um “comerciante de carne humana”, o Partido Comunista Cubano! Saibam ainda, para encerrar, que em muitas salas oficiais no Brasil, com o apoio de certos governantes, políticos e a força da militância marxista, já não se vê o símbolo cultural cristão, o nosso crucifixo. Juízes já deram sentença favorável a pedidos deste tipo. Se deixarmos, acabarão com nossos feriados religiosos (Natal, Paixão, Corpus Christi etc.) e trocarão os topônimos de cunho religioso, como São Paulo, Santa Catarina, São Lourenço e tantos outros. Não pensem que este processo não esteja, já, em franco andamento, com a troca de nomes de bens públicos por nomes dos seus heróis, por mais cruéis assassinos eles tenham sido no passado. Já está acontecendo isto! É a tentativa gramscista de implantação gradual não traumática do comunismo, afastando um obstáculo por vez e, de preferência, com a ajuda da própria vítima, que não percebe que se trata de engenhosa armadilha. Notaram a sutileza e malignidade do método?! Entretanto, para combatê-lo, nós temos a nosso favor uma arma não letal, o Título de Eleitor! Somos, afinal, cidadãos diplomados, por que desprezarmos nosso valor e poder?!


PS – Raivas e vergonhas acima relatadas constituem um simples aperitivo, aprofunde-se! Alertamos haver no atual cenário eleitoral brasileiro uma típica melancia, verde por fora, mas vermelha por dentro, é meio azeda, faz parte de uma chapa e é candidata a Vice! Vejam como cada um vale muito, no todo: – Para jorrar vinho puro na inauguração da caixa dágua basta não trocar sua cota de vinho por água ou haverá um escândalo no auge da festa! E mais, o Brasil, pelo Decreto 8243 de Dilma em vigor, já é uma União Soviética, pois, em russo, “soviets” eram os “conselhos populares” de Lenin, o comunista soviético. Pensem nisto, despertemo-nos!

. Ver em: [ RECEPÇÃO ] – Todos os Títulos Já Publicados.
Apresentação do Blog como produto, no Post: [Turismo Interno] – Sinta-se em casa!
Editor do Blog no Twitter: [Seleção p/ Outubro] – Quer ver?

Leave a Reply

  

  

  

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>